Skip to content
 Impressão sob demanda: como criar a sua loja | Oberlo

Impressão sob demanda: como criar a sua loja em 4 passos

Artigo por Time Oberlo

Sabia que a impressão sob demanda (print on demand) pode ajudar você a criar uma loja virtual de sucesso com um investimento baixo? Saiba como funciona!

Você tem vontade de trabalhar com o que gosta, no conforto de um home office, podendo ficar perto da família durante o expediente? Não pense que é impossível alcançar esse objetivo — ele pode estar até mais próximo do que você imagina!

Que tal criar uma loja virtual para vender camisetas, moletons, bonés, bolsas de pano, canecas e outros produtos por meio da impressão sob demanda?

Também conhecido como print on demand, esse modelo pode ajudar você a lidar com algumas das maiores dificuldades dos pequenos negócios, em especial o estoque e o alto investimento inicial que geralmente são necessários no e-commerce.

Neste post, você vai entender o que é impressão sob demanda, como ela se relaciona com o dropshipping e como criar uma loja dentro desse formato de negócios. Leia até o final e aproveite as dicas que separamos para você!

O que é impressão sob demanda?

Modelo de impressão sob demanda

Impressão sob demanda é um serviço no qual você contrata um fornecedor para fabricar e personalizar determinados itens à medida que eles são solicitados pelos clientes. Veja como é interessante o processo de venda nesse modelo de negócio:

  • você providencia estampas exclusivas para os produtos da sua loja virtual;
  • o cliente escolhe um item e faz o pedido;
  • você recebe a solicitação e encomenda o produto em um fornecedor parceiro;
  • o fornecedor fabrica o item;
  • o produto é enviado diretamente para o cliente.

Quanto mais valor você conseguir agregar ao produto, maior será o seu lucro. Afinal, o ganho em cima da venda é a diferença entre o valor pago pelo cliente e o valor pago por você para repassar o pedido ao parceiro. Fica assim:

Lucro = valor cobrado pelo parceiro - valor pago pelo cliente

A gente explica: se você está vendendo um produto por R$200 e o parceiro cobra R$150, o lucro será de R$50. Claro, essa conta está simplificada. Não se esqueça de considerar também a tarifa cobrada em transações feitas no cartão de crédito, ok?

O importante é você ter em mente que a arte pode agregar valor ao produto e possibilitar uma margem de lucro maior. Por isso, quando se trata de impressão sob demanda, é essencial elaborar estampas bem bonitas, para que os produtos sejam não só exclusivos, mas também desejados pelos visitantes da loja.

Daqui a pouco, daremos algumas dicas sobre como obter estampas atraentes, certo? Continue aqui com a gente para você não perder nossas dicas.

Agora que explicamos o conceito de impressão sob demanda, vamos dar uma olhada em como esse modelo de negócio se relaciona com o dropshipping.

Qual é a relação entre print on demand e dropshipping?

Na impressão sob demanda, você poderia comprar todas as máquinas necessárias para a personalização das peças. Mas, como dá para imaginar, esse método demandaria um investimento inicial muito alto, além de ser muito trabalhoso. Por isso, nada melhor que usar o dropshipping para vender produtos impressos sob demanda.

Se você acompanha o blog do Oberlo há algum tempo, já deve conhecer o dropshipping. 

É uma forma de vender produtos em sua loja sem precisar tê-los em estoque: você seleciona produtos em um fornecedor de confiança e os disponibiliza no seu e-commerce. Quando ocorre uma venda, você faz a compra do produto e o direciona para o cliente.

Assista ao vídeo a seguir para saber mais sobre dropshipping:

No dropshipping tradicional, o produto já foi fabricado e está estocado no fornecedor. Veja um produto que faz sucesso nesse modelo de negócio:

captura de tela do app do Oberlo (produto de dropshipping)

Sem dúvida, esses óculos são um produto bonito e muito interessante. Mas o foco em print on demand são produtos estampados, sendo que a arte é providenciada pelo lojista e o produto é fabricado só depois do recebimento do pedido. Veja uma imagem que exemplifica o funcionamento desse modelo:

Você acabou de ver uma das telas do aplicativo Printful, que está disponível na Shopify App Store e é um dos principais em matéria de impressão sob demanda. Daqui a pouco você saberá um pouco mais sobre os aplicativos listados lá na Shopify, ok?

Perceba que, na camiseta da imagem acima, é possível inserir qualquer arte. Está vendo a oportunidade de desenvolver um negócio lucrativo? É possível transformar sua marca em uma grande criadora de produtos exclusivos!

E olha que a camiseta é só um dos tipos de produtos que você pode personalizar. Isso significa que existe bastante espaço para sua criatividade e, claro, para aumentar o faturamento da sua loja online.

Quais são os benefícios de print on demand?

Ainda está em dúvida se vale a pena adotar o modelo de impressão sob demanda para a sua loja? Então considere alguns dos benefícios que ele oferece.

Benefícios da impressão sob demanda: liberdade para criar produtos

Um deles é a facilidade para criar produtos exclusivos e fortalecer a identidade da marca. Veja que interessante: se você conseguir artes bem bonitas e exclusivas para estampar seus produtos, sua loja terá um bom diferencial. É importante pensar nisso, principalmente por conta da grande quantidade de e-commerces atuando nesse segmento.

Benefícios da impressão sob demanda: simplificação da logística

No modelo print on demand, você não precisa se encarregar da logística. 

Por outro lado, é essencial que você se certifique da qualidade do serviço prestado pelo fornecedor. Afinal, você não quer que seu cliente faça um pedido e o produto demore mais do que o combinado para ser enviado, não é verdade?

Mas, desde que o fornecedor cumpra seus prazos adequadamente, você não precisará se preocupar com o envio dos produtos. Esses cuidados são essenciais no dropshipping, mesmo que você não use o modelo de impressão sob demanda.

Sua intenção é vender produtos como aqueles encontrados no AliExpress em vez de recorrer ao print on demand Brasil? Então aproveite para conferir nossas dicas de como encontrar fornecedores de dropshipping!

Benefícios da impressão sob demanda: investimento inicial reduzido

Imagine como seria complicado montar um estoque na sua casa. Além do alto valor que você precisaria desembolsar, ainda seria difícil conservar todas as peças de maneira adequada. Tudo isso sem contar a possibilidade de determinados produtos acabarem encalhando, resultando em grande prejuízo.

Com a impressão sob demanda associada ao dropshipping, você evita todos esses problemas, até porque o valor necessário para começar é bem baixo em comparação com aquele exigido para a montagem de um estoque. Assim, seu negócio tem mais força para crescer.

Ficou com vontade de criar a sua loja virtual no modelo de impressão sob demanda? Então veja os passos que você precisa dar para sair vendendo produtos exclusivos!

1. Impressão sob demanda: crie uma conta na Shopify

O primeiro passo para vender por meio de print on demand é criar uma conta na Shopify. Se você ainda não conhece, a Shopify é uma plataforma de e-commerce que possibilita a hospedagem de lojas virtuais.

ocê pode usar um domínio personalizado, do tipo www.nomedaloja.com.br, separar os produtos por categorias, implementar um carrinho de compras e disponibilizar meios de pagamento. Há recursos que facilitam o trabalho de marketing, permitindo que você execute estratégias de remarketing e retargeting.

Além disso, é possível gerenciar os contatos de quem já se cadastrou na loja e usar esses dados em estratégias de e-mail marketing para, desse modo, estimular novas compras. Esses são apenas alguns dos recursos que você pode aproveitar com uma conta da Shopify.

Inclusive, você vai se conectar com um fornecedor de impressão sob demanda a partir do seu painel de administração da sua conta na Shopify. Daqui a pouco vamos explicar como se faz isso, certo?

2. Impressão sob demanda: providencie as artes das estampas

Agora é hora de criar as artes que serão usadas na impressão sob demanda. Aqui é preciso ter muita atenção para não violar direitos autorais. Por exemplo, você pode amar o Snoopy e o Charlie Brown, mas não se pode sair usando esses personagens sem pagar royalties.

Se o seu negócio está no começo, podemos assumir que você ainda não tem condições financeiras de licenciar o uso de imagem de personagens como esses e tantos outros, não é verdade?

Por isso, a solução é criar artes originais. Se você tem o dom de desenhar, isso é ótimo! Você certamente vai amar ver suas artes estamparem roupas e outros itens que outras pessoas estão usando.

Se desenhar não é o seu forte, você pode se inspirar em ideias que são compartilhadas em plataformas como o Pinterest. Algumas artes podem ser compostas simplesmente por frases formatadas com fontes e cores bonitas. Só tome o cuidado de não copiar artes prontas! Use-as apenas como fonte de inspiração.

Considere também a possibilidade de contratar um designer. Plataformas como Behance, Dribble, Workana e 99Freelas são bons lugares para encontrar esse tipo de profissional. E olha que interessante: na 99designs, dá para encontrar artes já prontas, feitas exclusivamente para camisetas e outras peças. É mais uma opção que está à sua disposição.

3. Impressão sob demanda: encontre um fornecedor

A conta na Shopify está aberta e você já tem algumas artes em mãos? Hora de procurar um fornecedor para a sua loja. Para se conectar com ele, é só acessar a Shopify App Store, digitar “print on demand brasil” e instalar um entre as dezenas de plugins e aplicativos disponíveis.

Para facilitar, vamos listar para você alguns dos principais e mais bem avaliados:

Ao visitar as páginas desses apps, você verá que eles têm avaliações muito boas. Mas é importante analisar as características de cada um para ver qual se alinha melhor com o seu negócio, certo? E, claro, você pode pesquisar outros também, já que a variedade de apps é bem grande.

4. Impressão sob demanda: crie, avalie e inclua seus produtos

Assim que você escolher um fornecedor, crie o primeiro produto, adicionando a arte que já estava pronta. 

E aqui vai uma dica de ouro: compre o item antes de começar a vender, para você ter a oportunidade de testá-lo. É como um controle de qualidade para você verificar o material e a impressão, bem como o prazo de envio. Se o produto passar pelo seu crivo — que deve ser exigente, aliás —, é só incluí-lo na sua loja.

Mas talvez você esteja se perguntando como se faz para criar fotos de produtos que nem mesmo estão em suas mãos. Afinal, mesmo que você tenha solicitado uma amostra para fazer o controle de qualidade, o item será vendido com diversas variações de cor e tamanho (uma flexibilidade, aliás, que é uma característica interessante da impressão sob demanda).

Acontece que essas fotos podem ser produzidas com bastante facilidade. Na verdade, elas são montagens conhecidas como mockups. Por exemplo, o Printful, que citamos no tópico anterior, oferece esse recurso. Veja:

Mas existem vários geradores de mockup além desse, e alguns usam até modelos reais, como é o caso do Graphic Burger:

Depois de criar a página do produto, é só começar a fazer a divulgação. Inclusive, vender pelo Instagram pode ajudar você a obter uma boa receita. Outras redes sociais, como o Facebook e o TikTok, também são bons lugares para manter contato com o público-alvo.

Impressão sob demanda — passos para criar sua loja:

  1. Crie uma conta na Shopify
  2. Providencie as artes das estampas
  3. Encontre um fornecedor
  4. Crie, avalie e inclua seus produtos

Impressão sob demanda: conclusão

Deu para ver que a impressão sob demanda pode ajudar você a montar um e-commerce de sucesso, não é verdade? Imagine como deve ser satisfatório criar produtos bonitos e ver as pessoas comprando e usando aquilo que você criou!

É claro, quando sua loja estiver pronta, você precisará elaborar uma estratégia para atrair visitantes, concorda? Por isso, faça nosso curso de marketing digital gratuito e em português!

Quer saber mais?

Conteúdos relacionados